Júri para julgamento de policial acusado pela morte de George Floyd é formado.

O júri que vai participar do julgamento do policial branco acusado da morte do afro-americano George Floyd em maio passado foi constituído nesta terça-feira (23) em um tribunal de Minneapolis, abrindo caminho para o início do processo judicial na próxima segunda-feira.

A seleção dos 12 jurados e três suplentes, que durou 11 dias, terminou nesta terça com a confirmação dos escolhidos, depois que uma centena de cidadãos foram descartados após interrogatório.

Agora, o ex-policial de Minneapolis Derek Chauvin, de 44 anos, pode pegar até 40 anos de prisão se for condenado pela acusação mais séria, a de homicídio em segundo grau.

A morte de Floyd em 25 de maio de 2020 gerou protestos contra a injustiça racial e a brutalidade policial nos Estados Unidos e em todo o mundo. 

O juiz que preside o caso, os promotores e os advogados de defesa escolheram um júri composto por seis mulheres brancas, três homens negros, três homens brancos, duas mulheres mestiças e uma mulher negra.

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário